Luís Vaz nasceu na freguesia de Alvite, concelho de Cabeceiras de Basto.

Licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Mestre em Cultura e Mentalidades e Doutor em Estudos Portugueses pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

Condecorado com a medalha Grau Ouro, pelos municípios de Cabeceiras de Basto e de Lisboa, pelos serviços prestados à causa pública. Homenageado pelo Município de Cabeceiras de Basto com a atribuição do seu nome a um Largo da Freguesia de Alvite, passando a constar da toponímia do concelho.

É sócio da Associação Portuguesa de Escritores. É autor das seguintes obras: Folhas de Outono; O Foral de Cabeceiras de Basto; Luto na Aldeia; Etnografia da Região de Basto; História do Património Escultórico em Arroios; Clericais e Livre Pensadores: O Grande Confronto; O Pensamento Anticlerical de Brito Camacho; Centro Escolar Republicano da Ajuda: Cem Anos ao Serviço da República (1906-2006); As Mortes que Mataram a Monarquia; A Educação Racionalista; Palma Inácio e o Golpe dos Generais (1947); Palma Inácio e o Desvio do Avião (1961); Palma Inácio e o Assalto ao Banco de Portugal da Figueira da Foz (1967).

 

Livros publicados na Âncora Editora

Palma Inácio e o Golpe dos Generais (1947)

Palma Inácio e o Desvio do Avião (1961)

Palma Inácio e o Assalto ao Banco de Portugal da Figueira da Foz (1967)