A Vida é um Desporto Violento

10,00 € cada Peso: 176 g
Largura: 15 cm
Altura: 23 cm


+

Especificações

978 972 780 665 2
96
1.ª edição: Novembro de 2018

Carlos Loures

A Vida é um Desporto Violento é um título que envolve uma realidade comum a todos os seres humanos e constitui, portanto, uma afirmação relativamente consensual. Já o mesmo não se poderá dizer do subtítulo, Subsídios para uma autobiografia verdadeiramente falsa. Trata-se então de memórias fabricadas pela imaginação? […] de mentiras? Penso que não – da pura verdade à impura mentira, estende-se um leque imenso de conceitos. Porque não é fácil distinguir a verdade da mentira. Por vezes, torna-se mesmo impossível. E, neste caso, a verdade é que ficção e realidade se encontram amalgamadas [...] Porém, este é um trabalho em que o ter ou não acontecido, o rigorosamente biográfico e o verdadeiramente inventado, devem ser medidos pela mesma bitola – que interessa ao leitor o pormenor de o autor ter ou não vivido o que narra?

Santo Agostinho […] mui sabiamente avisou que a mentira não é o oposto da verdade, mas, sim, uma reformulação da verdade […] A mentira transformou-se num utensílio indispensável ao serviço da res publica. Joseph Goebbels disse que “uma mentira muitas vezes repetida passa a ser uma verdade” – não sei quanto tempo levou o ministro da propaganda nazi a chegar a esta conclusão, pois é algo que os nossos políticos parecem ter aprendido no jardim-escola.[…] Porém a frase que mais se adequa ao que vos venho dizer com estes contos, é de Mário Quintana, poeta e jornalista brasileiro – «a mentira é uma verdade que se esqueceu de acontecer».